Saramago: a violência de gênero é um problema de homens

Em uma entrevista concedida em fevereiro de 2006, o prêmio Nobel de literatura José Saramago disse o que muita gente ainda teima em não enxergar: a questão da violência de gênero é um problema de homens. Por isso, dizia o escritor, é preciso que eles se impliquem e saiam às ruas em manifestações realmente multitudinárias.

Passados cinco anos, nós, do GT de Gênero e Imigração da APEC, estivemos na manifestação contra a violência de gênero realizada em Barcelona no último dia 25 de novembro e notamos que a massiva participação masculina neste tipo de protesto ainda está longe de ser uma realidade. Por outro lado, havia um número considerável de manifestantes do sexo masculino, homens que talvez viram suas mães, tias, avós ou irmãs sendo vítimas desse tipo de violência ou, quem sabe alguns deles até já foram agressores.

Acreditamos que mais e mais homens abraçarão esta causa, até porque eles também estão cansados das mesmices das “caixinhas” de gênero que os impedem de fazer o que querem por medo de uma reprovação social. Por isso somos favoráveis aos movimentos pela igualdade de gênero que sejam inclusivos, ou seja, que incentivem a participação masculina em todos os debates e projetos.

Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: